segunda-feira, setembro 11, 2006

Os pólos opostos de Roni Size em Lisboa

Docas de Alcântara, sexta 8 de Setembro, 23h. Enquanto alguns curiosos se avizinham da bilheteira para uma inverosímil festa Reggae / Drum'n'bass (??), desenrola-se à entrada uma igualmente inverosímil cena de pancadaria entre um distribuidor de folhetos e um senhor portador de deficiência motora (e possivelmente mental, não cheguei a perceber...). Se bem que conceptualmente estimulante, foi desagradável encontrar esta recepção ao concerto de Roni Size. Mas as surpresas desagradáveis não ficaram por aqui, já que na porta não estavam os nossos nomes como enviados da RUA, embora nos tenha sido confirmado que assim seria. Graças à boa vontade de um segurança (outra situação insólita) e de um membro da organização com alguma aceleração muito suspeita, lá entrámos no armazém C2 onde se escondia um set-up espartano: um palco e uma bancada de venda de bebidas (a preços de discoteca, devo dizer) no meio de uma imensidão quadrada de cimento. Keep it simple, mas pá, vamos com calma... uma decoraçãozinha não vos fazia menos homens...
Enquanto a noite avançava com a boa actuação de Dawn Penn, visivelmente deslocada do seu público Rastafari e com o sistema de som a gritar por ajuda, comecei a perceber que os 'nossos' Jah Army Corporation iriam actuar no exterior do armazém, em simultâneo com o Mr. Size (os senhores da Positiva não se pouparam esforços para que a noite fosse sempre recheada de surpresas). Mas já lá vamos.
No interior, o DJ Esher degladiava-se com um prato que teimava em saltar, mas mesmo assim conseguiu fazer uma actuação bastante boa. Visivelmente transtornado, fez questão de em várias ocasiões fazer um sinal de desagradao ao prato (e possivelmente ao promotor), vulgo 'the finger', mas nunca fugindo ao ritmo das 180 bpms que as colunas debitavam. Nessa altura, comecei a ficar apreensivo: será que alguém da Positiva vai trocar o prato fajuto para o Roni Size tocar? Resposta: claro que não.
MC Rage (que veio substituir o MC Sweetpea) entrou a matar, e Roni Size não ficou atrás, com um inicio avassalador levando o público ao rubro. E certamente assim continuaria se não fossem os problemas técnicos como o prato, a munição, as colunas, as luzes... chegou ao cúmulo de ter que ser o próprio Size a ter que arranjar as ligações dos pratos com a mesa (!!!). Nem o mic do MC Rage escapou da sessão de peripécias, pois ora se ligava alto demais provocando feedback ora se desligava deixando o senhor a falar sozinho.
O ponto alto da noite foi o tema Brown Paper Bag, que quase fez esquecer os problemas técnicos. O VJ, que esteve muito bem bem durante toda a noite, meteu aqui a argolada de escrever 'Brown PAPPER Bag' na projecção, mas enfim, são detalhes inócuos e eu é que sou picuínhas.
Por esta altura as luzes avariaram e só o strob e as luzes brancas é que continuaram em funcionamento, criando uma atmosfera visual impossível de aguentar, com constantes flashadas de luz brilhante nos olhos. Fui lá fora descansar a vista (literalmente) e encontro os Jah Army Corporation a tocar ao lado da porta do armazem... ora imaginam a qualidade de som, com um drum'n'bass poderosíssimo a sair pela porta... não se percebem as escolhas da organização.
Resumindo, a Positiva esteve negativa em quase tudo, mas Roni Size quase fez desaparecer estas infelicidades. Se foi assim com todos estes problemas imagino como seja uma session sem problemas técnicos...

4 Comments:

Blogger Boiado said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

22:40  
Blogger Boiado said...

é caso para se dizer " ai jesus a minha avozinha..." lol ou entao what tha fck!!! bem mas que tanta imbecilidade junta, espero bem que os senhores do Indústria tenham oferecido melhor condições do que os agentes da C2 empoeirados de coca marada enfim, ainda bem que o Roni Size esteve a altura, e não duvido que este não volte tão cedo a Lisboa pelos menos mediante um cenário de caos e imcompetência, peace!

22:41  
Anonymous ziggi hi fidel cartel said...

opa..
Nao fui eu que toquei antes do roni size, foi o dj esher. e o mc que foi ah festa ao contrario do que dizia no flyer, nao era o sweetpea, que nao pode ir, e veio o mc rage.eu tokei b2b com os outros dois elementos do hifidelcartel, e foi depois do roni size.

15:26  
Blogger Sir Aiva said...

Thanks Ziggi, faremos as correcções. A Positiva ficou de nos arranjar o line up final, mas falhou tb nisso. E como (ainda) n vos conheço pessoalmente, errámos. Peace!

18:20  

Enviar um comentário

<< Home